Vídeo de From Chaos To Harmony mostra Ian Brown em versão animatronic

Ian Brown, eterno vocal dos míticos Stone Roses, compartilhou mais um clipe novo, agora com ‘From Chaos To Harmony’, cujo cenário é um decadente parquinho em Southend-on-Sea, capturando um jovem numa busca mágica de desejos.

From Chaos To Harmony – Vídeo Ian Brown

A canção é mais um single do álbum ‘Ripples‘, lançado em fevereiro desse ano, que teve reação diversa de público e fãs, mas é inegável que o vídeo tem um clima especial, apresentando Mr.Ian Brown como um boneco Zoltar macabro, com direito a eventos mágicos e revelações.

O ator britânico Noah Jupe estrela como o garoto, com o veterano Daniel Peacock, como dono do parque de diversões, além do próprio Brown como ele mesmo, na parte final do vídeo, caminhando pelo calçadão da orla de Southend.

O trunfo do clipe, além da brilhante canção, é essa iconografia animatronic, que forma a base para o diretor John Nolan, criar um mundo mágico, assim que o garoto do clipe insere uma moeda misteriosa na geringonça.

Fiquem com as letras originais de From Chaos To Harmony com Ian Bronw

Happiness can’t stand alone
Joy, it spreads like fire
Angel trumpets and devil trombones
From chaos to harmony

Loneliness can catch us all
Love can struck like lightnin’
Angel trumpets and devil trombones

I, I leave it all behind
You can’t buy no peace of mind
Did you no wrong
All that kiss, ever was, and ever shall be
From chaos to harmony
I’m still here singin’ my song

Happiness can’t stand alone
Joy, it spreads like fire
Angel trumpets and devil trombones
From chaos to harmony
Loneliness can catch us all
Love can struck like lightnin’
Angel trumpets and devil trombones

I, I leave it all behind
You can’t buy no peace of mind
Did you no wrong
All that kiss, ever was, and ever shall be
From chaos to harmony
I’m still here singin’ my song

And I. See the last stop upon the line
That last magic carpet ride
The kingdom’s on his side
All that kiss, ever was, and ever shall be
From chaos to harmony
I’m still here singin’ my song

Dried up roses all turn to stone
Born again, you don’t know you’ve been born
Thinkin’ for myself
With my own brain
Dried up roses all turn to stone
Too much poison to ramble on
Thinkin’ for myself
With my own brain

Days that may, Days all gone
Days just begun, Days still to come

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: