Aquecimento para a Virada Cultural 2017… ou quando o Marketing encontra a realidade

Virada Cultural 2017

Dicas importantes para aproveitar o melhor da programação da Virada Cultural 2017

Diferente dos anos anteriores, curtir a Virada Cultural não será uma aventura de descobrir boas atrações enquanto se ocupa o centro da cidade. Dessa vez a distância entre as atrações fará com que quem vai a um destino como o Anhembí por exemplo, não consiga se deslocar com eficiência para aproveitar  outros eventos no centro ou regiões da cidade.

Assim nossa dica  é mesmo procurar o que assistir e se concentrar numa atração/palco no Sábado e noutra atração no Domingo, não perdendo tempo com os enormes deslocamentos e perrengues da paulicéia desvairada.

A atual prefeitura de São Paulo tem investido em ações marqueteiras para convencer a população que está fazendo uma série de transformações.

Mas a seca de verbas para a cultura e as confusões em relação à Virada Cultural 2017 são emblemáticas, apesar das negativas e jogo de cena da secretaria da cultura.

Com 13 milhões de reais de verba, o evento deveria ter um impacto muito maior e atrações que realmente fizessem as pessoas saírem de casa.

Logo no início do mandato foi dito que o evento sairia do centro e concentraria atrações de peso em Interlagos… também foi dito que seria seguro e espalhado por toda cidade… mas vieram as saraivadas de críticas, e começaram a mudar de opinião, se concentrando em fazer somente … mais do mesmo.

Claro que a Virada Cultural de 2017 ainda será relevante, mas num nível muito inferior a todas as versões anteriores, não existe nenhum show realmente imperdível, se contentando a repetir shows anteriores de alguns medalhões, além das poucas novidades na seleção de artistas novos.

Seguramente teremos menos locais de atividades e todos os grandes eventos foram retirados do centro, sendo os palcos maiores da região central substituídos por estruturas mais modestas montadas em tablados no chão.

Algumas boas idéias foram mantidas, como as  intervenções artísticas no caminho entre as atrações e os cortejos culturais no centro, mas por outro lado o uso do Parque do Ibirapuera foi descartado (ano passado recebeu com sucesso atividades para crianças) assim como a maioria dos CEU´s que levavam a programação para os bairros.

A população perde ao ter que se deslocar para palcos em locais complicados como a Chácara do Jockey, Anhembí e Interlagos, todos desprovidos de bom transporte público.

O melhor da programação ficou mesmo no Centro da cidade e no Centro Cultural São Paulo, que conseguiu montar uma programação bem simples mas muito inteligente.

Além da parte musical vale destacar que 28 teatros da região central terão espetáculos gratuitos à população na noite de sábado, na única efetiva melhora em relação aos anos anteriores, até porque mesmo os espaços das bibliotecas e teatros municipais diminuíram a participação nesse ano.

Destaques da Virada Cultural 2017

COPAN – CABARÉ QUEER            

BOULEVARD SÃO JOÃO – TRIBUTOS

  • 18h     Curumin canta Stevie Wonder

7 DE ABRIL – ROCK          

REPÚBLICA- SOUL FUNK             

24 DE MAIO  – HIP HOP

AROUCHE – JAZZ            

  • 0h       Hammond Grooves

PRAÇA DOM JOSÉ GASPAR – INSTRUMENTAL  

DOM JOSÉ GASPAR  – PIANO NA PRAÇA             

  • 19h     Nelson Ayres
  • 23h     Amilton Godoy
  • 01h     Eduardo Dusek
  • 17h     André Mehmari

BARÃO DE ITAPETININGA x REPÚBLICA  – VIROU MIX  

  • 18h     Guga Stroeter & Orquestra Heartbreakers convidam Hamilton Moreno

ALVARES PENTEADO x SÃO BENTO – PALCO LATINO AMERICANO          

DECK SÃO BENTO – BRASIL 360

THEATRO MUNICIPAL  

  • 18h     Vinícius Atique e Ballet da Cidade
  • 18h     Camané (fado português) – parceria com o Consulado Português

PRAÇA DAS ARTES         

  • 19h     Pink Floyd cover: Mágico do Oz + Pink Floyd

VIRADA DESCENTRALIZADA

PARQUE ANHEMBI – Sambódromo

PALCO ANHEMBI           

  • 18h     Daniela Mercury
  • 21h     Circo Zanni
  • 00h30 Fafá de Belém
  • 12h     Titãs

CHÁCARA DO JOCKEY

PALCO 1

PALCO 2

PISTA DE SKATE     

PRAÇA DO CAMPO LIMPO         

PALCO PRINCIPAL

CENTROS CULTURAIS

Centro Cultural Palhaço Carequinha    

Centro Cultural da Juventude  

Centro Cultural da Penha          

  • 18h     Guilherme Arantes
  • 20h     Vanusa
  • 22h     Tributo a Jerry Adriani: Autoramas + Erika Martins + Astronauta Pinguim + China + Kiko Zambiancchi + Lilian + Eduardo Araujo
  • 18h     Erasmo Carlos

Centro Cultural do Jabaquara   

  • 18h     Negra Li e banda 20 anos de carreira

Centro Cultural Tendal da Lapa               

  • 0h       Dead Fish

Centro Cultural da Vila Formosa            

Teatro Flávio Império  

CENTRO CULTURAL SÃO PAULO

Sala Adoniran Barbosa

CASAS DE CULTURA

Casa de Cultura do Butantã

  • 17h     Mustache & Apaches

PARQUE CHÁCARA DO JOCKEY               

CEU Parque Veredas

CEU Azul da cor do mar    

CEU Vila do Sol

  • 20h    Thaide

CEU São Mateus

CEU Pera Marmelo

  • 20h     Xis

CEU Alvarenga

  • 20h     Fabiana Cozza

Confiram a programação completa da Virada Cultural 2017

 

Sobre o autor(a):
Testemunha ocular e sobrevivente dos anos 80, com vasta experiência como público pagante de shows e festivais, amante dos melhores sons e estilos. Nativo Digital e idealizador do Blog Vishows. Blogueiro Ativista, Podcaster, Educador Social, Empreendedor e Profissional de Marketing e Comércio Eletrônico.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: