Aquecimento e setlist Red Hot Chili Peppers no Brasil

Os Red Hot Chili Peppers tem longa história no Brasil, com fãs que acompanham o grupo desde os Anos 80, quando ainda eram alternativos, mas já apostando no Mix de Rock, Funk e HipHop com atitude punk. Os californianos voltam ao Brasil em Novembro, passando também pelo Paraguai, para shows em datas do Circuito Banco do Brasil e na Arena Anhembí em Sampa. Vão contar com abertura luxuosa dos sensacionais nova iorquinos Yeah Yeah Yeahs (confiram post sobre o ótimo álbum Mosquito – top10 2013).

A dupla Anthony Kiedis (voz) e Flea (baixo) são amigos de adolescência, quando forjaram o estilo, levando a rima das ruas para uma banda de rock, e juntos com o batera Chad Smith (nos Peppers desde 1989) e o guitarrista Josh Klinghoffer (desde 2009 no RHCP) formam o núcleo atual do combo, que já teve pelo menos que 14 membros numa dança gigantesca de guitarristas.

Além da turnê mundial “I’m With You”, eventos paralelos com os Peppers devem rolar, mas confirmado mesmo está o Workshop do baterista Chad Smith, que vai dar aula dia 2 de novembro em Nova Lima, na Região de Belo Horizonte.

Red Hot na América do Sul – 2013
– 02/Nov – Circuito Banco do Brasil – Belo Horizonte
– 05/Nov – Jockey Club del Paraguay – Asunción, Paraguay
– 07/Nov – Anhembi Arena – São Paulo
– 09/Nov – Circuito Banco do Brasil – Rio de Janeiro

Este slideshow necessita de JavaScript.

Os RHCP tocaram em 2013 cerca de 25 diferentes canções, mas o repertório mais provável para os shows na América do Sul deve ser esse abaixo, com cerca de 1,5 horas de duração por noite.
– Monarchy of Roses
– Dani California
– Scar Tissue
– Otherside
– Can’t Stop
– Snow ((Hey Oh))
– Factory of Faith
– Look Around
– The Adventures of Rain Dance Maggie
– Under the Bridge
– Ethiopia
– Higher Ground (Stevie Wonder)
– Californication
– By the Way
Bis
– Around the World
– Chad & Mauro & Josh Jam
– Soul to Squeeze
– Give It Away

Fiquem com o vídeo de Knock me Down do clássico Mothers Milk de 1989 – Que não deve tocar nos shows mas foi o primeiro som deles a me impressionar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: